23 de fev de 2012

HEMINGWAY – Sobre Estilo Literário

Ernest Hemingway


                      por Pedro Luso de Carvalho


      Na entrevista realizada com Ernest Hemingway, pela famosa revista 'The Paris Review", o entrevistador quis saber o quanto de esforço premeditado foi necessário para o desenvolvimento de seu estilo tão caracteristico; esta foi a reposta do autor de O velho e o mar:

         HEMINGWAY - Essa é uma pergunta que requer uma resposta longa e exaustiva, e, se a gente passasse dois dias a responder, ela seria tão sem espontaneidade, que não se poderia escrevê-la. Eu talvez pudesse dizer que aquilo que os amadores chamam estilo é, em geral, apenas a inevitável dificuldade de se tentar fazer pela primeira vez o que até então ainda não tinha sido feito. Quase nenhum novo clássico se assemelha a outro clássico anterior. A princípio, as pessoas conseguem ver apenas a falta de jeito. Depois, esta se torna menos perceptível. Quando tais autores se mostram demasiados desajeitados, as pessoas pensam que essa falta de naturalidade constitui o "estilo", e muitas delas o copiam. Isso é lamentável.




(In COWLEY, Malcolm. Escritores em ação. Tradução de Brenno Silveira. 2ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1982, p. 254-255.)


                                                         *  *  *  *  *  *


Nenhum comentário: